3 Passos para Criar uma Rotina de Estudos Eficiente


A preparação para as provas é uma obra de arte muito bem arquitetada e, principalmente, executada com maestria. Quando isso acontece, fica difícil você não chegar, no mínimo, perto do sucesso. Por essa razão que é extremamente importante você se preparar de uma forma eficiente e plena para as provas que se seguirão.

O problema é que muitos não sabem como se organizar, se perdem em rotinas mal estipuladas e com isso acabam pagando caro no dia da grande prova. Outros não possuem um tempo suficiente para sistematizar toda as suas tarefas e isso também os prejudicam.

Seja qual for o seu caso, não importa, estamos aqui para te dar a solução. Aprenda a se preparar para as provas de uma forma infalível que irá colocar para trás até mesmo os candidatos com mais HBC que você!

PASSO 1: ORGANIZANDO SUA ROTINA DE ESTUDOS

Se você é uma daquelas pessoas que largam o emprego para estudar para concursos, muito bem, teremos um prato cheio onde poderemos aplicar vários métodos que te farão um super concorrente. Mas se você ainda está trabalhando, pois precisa se manter ou manter uma família, nós temos um sistema para você também.

Começando para quem tem todos os horários livres, você largou tudo na sua vida para fazer o concurso tão esperado. Então, vamos elencar os pontos mais importantes a partir de agora: estudo, atualização, corpo e mente. São esses três pontos que devemos levar em consideração agora. O que significa cada um deles?

3 Passos para Criar uma Rotina de Estudos Eficiente

Vamos começar pela parte do estudo. Se o edital ainda não saiu, não vai ser isso que te impedirá de se atualizar e estudar ferrenhamente. Apenas estude o que cai geralmente em concursos do tipo, ou seja, os assuntos mais básicos. Faça uma lista desses assuntos.

Após a saída do edital, é a hora de se aprofundar, de fato, nas específicas. Com isso você foca somente nessa parte. E deixa de lado um pouquinho as mais básicas, fazendo apenas revisões periódicas e resolução de exercícios.

Você sabe que algumas bancas costumam fazer redações em determinados concursos. Sabendo disto, é bom se manter atualizado acerca dos prováveis assuntos que são compatíveis com o teor da instituição onde você aspira uma vaga. Essa é a parte de atualização. Você vai ficar por dentro do que anda acontecendo no mundo.

A última parte é a de corpo e mente. São dois nomes que representam apenas uma coisa: o ser humano. E um ser humano desestabilizado não se dá muito bem em provas, já dizia um sábio provérbio antigo dos concurseiros. Por isso, também deve ser feita uma lista de atividades que vão te deixar novo em folha para o dia da prova.

Já que você está sem emprego, encare esses estudos como o seu trabalho profissional. Pela manhã, faça uma bateria de estudos, pela tarde, faça outra. Durante à noite, tente descansar um pouco para amanhã começar com tudo em cima.

No final de semana, faça apenas uma bateria, preferencialmente pela manhã.

Para deixar a sua mente sempre propensa a aprender mais, esqueça os livros de ficção ou qualquer outra coisa que não tenha a ver com o seu concurso. Isso vai te ajudar a ser programado a pensar tendo a prova como objetivo. E isso nos leva para a parte de atualização.

Existem aplicativos que fazem todo o trabalho sujo pra você e reduzem drasticamente a poluição informativa que há hoje em dia. Um exemplo é o Feedly, onde você cadastra alguns sites e blogs e recebe as novidades de cada um deles por lá mesmo. E esse aplicativo você pode instalar no seu smartphone.

Experimente ler o seu Feedly todos os dias após o almoço. Às vezes isso não dura mais que cinco minutos por causa da escassez de notícias em algumas áreas.

Na parte do corpo e da mente, todos os dias pela manhã você vai fazer alguns exercícios físicos que irão te despertar. E isso você pode fazer no terraço da sua casa, na varanda, no quarto, onde achar melhor. Você pode alongar-se, o que é muito bom para despertar, fazer abdominais ou os famosos marinheiros, além de correr sem sair do lugar, o que surte o mesmo efeito de você estar numa esteira.

O ideal é misturar cada tipo de exercício durante os dias da semana, sempre mantendo os alongamentos. Quem faz yoga ou pratica meditação nessas horas já saem na frente, pois podem condicionar o corpo e a mente para a bateria de estudos que está por vir.

Durante a noite, experimente sair com os amigos, ir ao cinema, namorar, mas apenas atividades leves. Sabe aquelas noites em que você bebeu até ter um blecaute? Não? Ainda bem que temos um leitor que não exagera na dose. Mas se você disse sim, esqueça essas noites, pelo menos durante o período de preparação para as provas.

Pegue leve com você mesmo durante esses meses e depois que o resultado sair e você se ver selecionado, comemore do jeito que achar melhor!

Durante esse período de organização da rotina, experimente utilizar o Remember the Milk, outro aplicativo que pode ser utilizado tanto no desktop como no seu smartphone. A partir dele você cria uma rotina de estudos programada que manda avisos para o seu e-mail para te lembrar do que você deve fazer.

Falando nisso, esse aplicativo será mais excelente ainda para quem tem que trabalhar e ainda estudar para um concurso. Com isso, nós sentimos muito, as suas noites terão que ser dedicadas a este objetivo. Estudar durante a noite e em duas baterias durante o final de semana, quiçá até três num dia como o sábado ou domingo, fica ao seu critério, será uma rotina. Quem disse que isso seria moleza?

Porém, não deixe de lado os alongamentos e os demais exercícios pela manhã. Dedique pelo menos 30 minutos para o seu corpo.

PASSO 2: COMO TORNAR ESSA AGENDA MAIS EFICIENTE

Estudar sem anotações não dá, não é mesmo? Por isso, sempre anote tudo à mão em algum caderninho quando você se deparar com um conteúdo extremamente relevante para a prova. É imprescindível que seja manuscrito, pois dessa forma fica mais fixado na sua mente.

Também prefira misturar os assuntos durante o dia. Por exemplo, em cada uma das duas baterias de estudo diárias, você coloca um assunto. Durante a manhã será um, durante a tarde será outro. Isso dá um novo gás, digamos assim, que te impede de cair na monotonia.

Tentar absorver todo o assunto de uma vez só não é inteligente. Pois você corre o risco de ir esquecendo ao passo que vai estudando novas matérias. Por isso é importante misturá-los.

Quando você acabar a parte básica, experimente transcrever tudo para uma plataforma digital. Aplicativos como o Evernote, onde você pode fazer anotações e separá-las em cadernos e grupos de cadernos. Se tiver anotações mais curtinhas, experimente o Google Keep, um programa que mais parece um post-it virtual.

Assim que o edital sair, coloque os assuntos mais básicos para serem estudados em uma das baterias do final de semana. Aliás, esses assuntos serão revisados a partir das suas anotações guardadas no caderninho ou, melhor ainda, no Evernote ou no Google Keep. Com isso, você focará apenas no que for necessário.

E responda muitos exercícios. Dedique um bom tempo de sua semana a responder exercícios. Prefira aquelas questões elaboradas pela banca examinadora que irá realizar o concurso e sempre tenha em mãos as provas antigas.

Outra dica: só responda os exercícios se já tiver um gabarito. Porque ficar quebrando a cabeça para responder uma questão que você não pode conferir a resposta correta só vai ser uma perda de tempo. E o nosso lema é não jogar o tempo pelo ralo.

PASSO 3: FOLGA ANTES DA PROVA

Pode ser duas semanas antes da prova, pode ser uma semana e meia, pode ser uma semana. Depende da sua segurança. A ideia aqui é te dar um tempinho livre para relaxar a mente e fazer a prova com confiança, com o conteúdo absorvido e sem nervosismo no dia.

Por isso, pegue todas as suas anotações, as dos assuntos básicos e dos específicos, e os revise todos os dias. Pode utilizar apenas uma bateria de estudos para isso, de preferência a matinal. Por quê? Porque você o seu corpo precisa continuar acostumado a ter uma vida ativa pela manhã. Isso te deixa mais desperto, mais esperto e muito mais disposto pelo resto do dia. Você não vai querer fazer o concurso desgastado de tanto acordar na hora errada, vai?

Portanto, pela manhã você estuda e na tarde e na noite realiza uma série de atividades leves que relaxem a sua mente. Desse jeito você chegará com conhecimento, assim como muitos candidatos, mas sem nenhum pingo de nervosismo, com muita confiança em si mesmo e com a cabeça no lugar. E isso é o que vai te fazer sair na frente dos demais e ter uma rotina de estudos mais organizada e eficiente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *