Concursos para tribunais – quais são eles?


Tribunal de JustiçaNem só de juízes funcionam os tribunais. A atuação no Judiciário depende de profissionais com diferentes habilidades e formações. Uma característica, no entanto, é bastante atrativa, o que aumenta a concorrência nesse ramo de concursos: os salários. A remuneração média para profissionais com nível superior está em torno de R$ 6 mil, mas pode ultrapassar os R$ 25 mil.

Apesar da elevada concorrência, há muitos tribunais em nível municipal, estadual e federal. Vamos conhecer alguns deles?

TJ – Tribunal de Justiça Estaduais

Independentemente do grau de complexidade dos processos a maioria dos conflitos cíveis e criminais (que não estão vinculados às justiças Comum, do Trabalho, Eleitoral e Militar) é processada e julgada aqui. Sobre os TJs, estão STF e o STJ, que  têm maior poder sobre os tribunais estaduais.

Em sua maioria, os tribunais de Justiça estão situados nas capitais e grandes cidades. É o caso do concurso da VUNESP para Escrevente Técnico nas Regiões Administrativas Judiciárias do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.

Supremo Tribunal Federal – STF

O STF é composto por onze ministros indicados pela Presidência da República. É a maior instituição do nosso Poder Judiciário. O CESPE foi a banca realizadora do último concurso do Supremo Tribunal Federal. Pela elevada concorrência, devido aos salários convidativos (a partir de 4 mil reais) e à oportunidade de desenvolvimento de uma carreira no maior órgão do Judiciário, a prova é bastante exigente, com 120 itens e uma prova discursiva.

Superior Tribunal de Justiça – STJ

Um degrau abaixo, está o STJ, que tem 33 ministros nomeados pelo presidente e aprovados pelo senado. Julgam causas que envolvam figuras públicas e políticas. A comissão para a definição de cargos e outras determinações já está formada e, em breve, deve ser divulgado o edital com mais informações.

Tribunal Regional Eleitoral – TRE

É um tribunal especializado, criado para assegurar a realização de processos eleitorais idôneos. É a entidade que monitora campanhas e o processo de votação e apuração eleitorais. Acima dele, está o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que julga e acompanha os mesmos processos, agora em nível nacional. O próximo concurso do TSE está na mesma situação: em análise. Se homologado, oferecerá remuneração de até 12 mil reais.

Tribunais de Contas – estados, municípios e união

Como lida diretamente com o erário público, o Poder Executivo precisa ser monitorado e validado. Essa é a função do tribunal de contas, que investiga a transparência e como o dinheiro da público é investido em cada nível da União.

Tem edital aberto no Tribunal de Contas do Estado de São Paulo. São 133 vagas de nível superior. O processo seletivo fica a cargo da VUNESP. As inscrições vão até o dia 31 de outubro.

Tribunal Regional do Trabalho – TRT

Para dirimir conflitos entre trabalhadores e empregadores existe a Justiça do Trabalho. Quando não é possível solucionar litígios na instância regional, é acionado o Tribunal Superior do Trabalho (TST).

Por serem órgãos de fiscalização, os tribunais destinam grande número de vagas operacionais aos funcionários chamados “de carreira”, os concursados. Como esse número é elevado, os concursos realizados pelos tribunais são recorrentes e, muitas vezes, realizados para a formação de um cadastro de reserva para possível convocação. Veja o exemplo do último concurso, realizado pela Fundação Carlos Chagas, para o TRT da 20ª Região.

Superior Tribunal Militar – STM

Outro tribunal específico é o STM que, formado por juízes militares, é responsável pelo julgamento dos crimes militares. A portaria publicada no dia 1º de agosto, no Diário Oficial da União anunciou a banca organizadora do próximo concurso. Será o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe). Assim, o edital deve sair ainda em 2017.

Tribunais Regionais Federais – TRF

Como apontado no artigo 108 da Constituição Federal, os TRFs são responsáveis pelo julgamento de recursos, habeas corpus e litígios entre juízes da mesma região.  Se você já estiver preparado para mais um concurso, o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (que compreende os estados de Minas Gerais, Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso, Bahia, Maranhão, Piauí, Pará, Roraima, Amapá, Amazonas, Tocantins, Rondônia e Acre) está com inscrições abertas para os cargos de Analista Judiciário e Técnico Judiciário, com remuneração de R$ 6 a 10 mil.

Muitos concursos abertos e previstos, mas temos apenas uma busca

São vários tribunais em nível municipal, estadual, regional e nacional. Da mesma forma, há diversas vagas para níveis superior, técnico e médio. Para procurar a melhor vaga, a Enter Concursos vai te ajudar. Nossa pesquisa baseada em filtros direciona as buscas para oportunidades do seu interesse.

A Enter Concursos ainda tem mais uma facilidade. É o buscador. Você define o perfil do concurso que procura, nós filtramos os editais mais adequados e enviamos, gratuitamente, para o seu e-mail.

 

Deixe um comentário