Como foram os últimos concursos do IBGE


IBGE

IBGE

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística é conhecido pelos recorrentes concursos públicos e pelas oportunidades que abrem, principalmente na área de recenseamento. É um número grande de vagas espalhadas por todo o país.

Últimas vagas e salários

Assim como o trabalho que executa, mensurando a diversidade de nossa população, o IBGE realiza seleções igualmente democráticas. Um exemplo é o último concurso realizado, que ofereceu 460 vagas de nível médio para cargo de Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas.

A remuneração é bastante atrativa. O vencimento básico é de pouco mais de R$2,2 mil, podendo ultrapassar os 4,6 mil reais por uma jornada de 40 horas de trabalho semanais.

O IBGE também oferece vagas para pessoas que possuem o nível fundamental, principalmente para o cargo temporário de recenseador. Em 2017 já foi realizada a seleção de quase 19 mil candidatos de nível fundamental de escolaridade com salário de R$1,6 mil.

Como dito anteriormente, uma das grandes vantagens em prestar concurso público para o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística está na amplitude dos cargos. Também há oportunidades para candidatos com ensino superior completo. É o caso do edital destinado à seleção de Analistas e Tecnologistas, que disponibilizou vagas para profissionais de diferentes áreas de atuação. Os salários estão entre R$4,3 e 8,7 mil.

Independentemente da área e do nível de formação exigida, o IBGE oferece cargos fixos ou temporários com salários acima da média do mercado. O cargo com maior provimento de vagas, o de recenseador, por exemplo, tem salário-base de R$1,6 mil, lembrando que a exigência era de ensino fundamental.

Como é feita a seleção

A prova de seleção tem caráter eliminatório e classificatório. Independentemente do cargo, o exame apresenta questões de múltipla escolha com cinco alternativas. O número de perguntas varia com a exigência de formação.

Para os cargos de nível fundamental, as questões limitam-se às disciplinas de português, matemática e conhecimentos técnicos. Candidatos de nível médio precisam apresentar conhecimentos em administração, situações gerenciais, além de saber aplicar o raciocínio lógico. Para o nível superior, como são vagas destinadas a profissionais de áreas específicas, há questões diretamente relacionadas ao exercício da função.

Para atuar em determinadas áreas, principalmente naquelas em que há trabalho de campo ou demandam alguma ação específica, há outra etapa, a de treinamento. Esta também tem caráter eliminatório e classificatório.

Assim como a maioria dos concursos públicos, o elemento determinante para o sucesso no exame é a interpretação de texto. Sempre há um enunciado ou fragmento de um texto que precisa ser analisado e, então, respondido. Por maior que seja o conhecimento técnico, a leitura inadequada pode ser determinante no resultado do processo seletivo.

Por se tratar de concursos periódicos e que oferecem um grande número de vagas em todo o país, é fundamental ter o suporte de uma instituição responsável. Assim, os concursos públicos do IBGE são realizados pela FGV Projetos, a unidade de assessoria técnica da Fundação Getulio Vargas.

Pronto para o próximo concurso do IBGE?

Você viu que sempre tem um concurso público do IBGE com edital aberto. Por isso, sempre é bom ter alguém que encontre e filtre os próximos editais para você. Cadastre-se no buscador da Enter Concursos e receba, gratuitamente, alerta sobre os próximos processos seletivos!

Deixe um comentário